Xi felicita Putin e destaca que ambos seguirão promovendo a paz mundial

Pequim, 19 mar (EFE).- O presidente da China, Xi Jinping, parabenizou nesta segunda-feira Vladimir Putin por sua reeleição para um quarto mandato como presidente da Rússia, após uma votação histórica nas eleições presidenciais, e manifestou sua intenção de seguir trabalhando com o líder russo para promover a paz regional e mundial.

Em sua mensagem, reproduzida pela agência estatal "Xinhua", Xi mostrou-se convencido de que, com a reeleição de Putin, "a Rússia poderá definitivamente seguir criando novas glórias no desenvolvimento nacional".

O líder chinês destacou que, atualmente, os laços entre os dois países estão "no melhor nível da história" e são um exemplo de um novo tipo de relações internacionais baseadas no respeito mútuo, na legitimidade e na justiça.

Assim, Xi mostrou a disposição de Pequim de continuar trabalhando com Moscou "para seguir promovendo as relações entre China e Rússia para um nível superior, proporcionar a força motriz para o desenvolvimento nacional nos dois países e promover a paz regional e mundial".

Apesar de Putin, de 65 anos, atravessar um dos momentos mais baixos em suas relações com o Ocidente, Xi destacou que a Rússia desempenhou "um importante papel construtivo nas questões internacionais" nos últimos anos, e tem se mantido "unida" para conseguir um sucesso "de destaque" no desenvolvimento econômico e social.

No último sábado, Putin foi um dos primeiros líderes internacionais a enviar uma mensagem de felicitação a seu colega chinês por causa de sua reeleição como secretário-geral do Partido Comunista da China (PCCh) que, na opinião do chefe do Kremlin, confirma "a autoridade política de Xi Jinping". EFE