Obra de arte vendida por US$ 1 milhão se autodestrói após a compra

Uma obra de arte leiloada por mais de US$ 1 milhão se autodestruiu na frente da plateia neste fim de semana (Reprodução)

Uma obra de arte leiloada por mais de US$ 1 milhão se autodestruiu na frente da plateia neste fim de semana. O quadro, uma versão do quadro de Bansky, Garota com Balão (Girl with Balloon), foi arrematado na casa de leilões Sotheby’s por  860 mil libras.

No momento em que foi arrematada, a moldura começou a emitir um som de alerta e mais de um terço do quadro foi triturado. De acordo com o próprio autor, “o desejo de destruir também é um impulso criativo”, como ele fez questão de publicar em suas redes sociais. Confira:

 

O site TechCrunch revela que o quadro foi dado pelo autor a uma pessoa há doze anos, o que significa que a bateria do dispositivo pode ter durado todo esse tempo ou que o componente da destruição foi incluído pouco antes do leilão.

“Acabamos de ser alvos de Banksy”, afirmou Alex Branczik, líder de arte contemporânea da Sotheby’s europeia.

Apesar do aparente desperdício, a obra de arte picotada pode valer mais dinheiro, já que se torna única.