Obras da Catedral de Notre-Dame recomeçam em 19 de agosto

Catedral de Notre-Dame, em Paris, em 9 de julho de 2019

As obras de reconstrução da Catedral de Notre-Dame, parcialmente destruída em um incêndio em abril, serão retomadas em 19 de agosto próximo - informaram as autoridades administrativas da região de Paris, nesta sexta-feira (9).

Na quinta-feira passada (1º), um grupo de sindicatos e de associações pediu o "confinamento total do lugar" pela contaminação de chumbo provocada pelo incêndio, assim como a criação de um centro de supervisão sanitária.

As tarefas foram suspensas após uma visita dos inspetores do Trabalho, que reconheceram como insuficientes as medidas de segurança adotadas em função da contaminação.

Ocorrido em 15 de abril, o incêndio da catedral provocou a fundição de toneladas de chumbo contidas na agulha e no telhado do prédio. O material se dispersou na forma de partículas. Os trabalhadores são os mais expostos a riscos.

Também foram detectados níveis elevados de chumbo nos bairros próximos à catedral, e uma escola foi fechada por precaução. Ainda não há data para sua reabertura.

O presidente francês, Emmanuel Macron, pediu que a catedral seja reconstruída em até cinco anos. A primeira fase das obras, a de consolidação da estrutura, ainda não terminou.