Ocean Viking autorizado a desembarcar 572 migrantes na Sicília, segundo ONG

·1 minuto de leitura
SOS Méditerranée busca porto europeu para desembarcar quase 600 migrantes

A Itália autorizou o Ocean Viking, o navio de socorro marítimo da SOS Méditerranée, a se aproximar da costa da Sicília para desembarcar 572 migrantes, anunciou a ONG nesta quinta-feira (8) à noite.

"O Ocean Viking recebeu as notícias muito esperadas das autoridades marítimas italianas esta noite: os 572 sobreviventes desembarcarão em Augusta, na Sicília", disse a ONG com sede em Marselha (sul da França) no Twitter.

A SOS Méditerranée lançou na quarta-feira um apelo à União Europeia para encontrar um porto seguro e desembarcar os migrantes resgatados pelo Ocean Viking "o mais rápido possível".

A ONG estava preocupada com a escassez de rações alimentares e medicamentos, bem como com a saúde de alguns passageiros, fatigados e desidratados após três dias ao sol no mar antes de serem resgatados.

Desde o início de 2021, 898 migrantes perderam a vida no Mediterrâneo tentando chegar à Europa, dos quais 734 na rota central para Malta e Itália, segundo dados da Organização Internacional para as Migrações (OIM).

A SOS Méditerranée afirma ter ajudado mais de 30.000 pessoas desde fevereiro de 2016.

gab/fjb/eg/lda/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos