Congresso dos EUA aprova orçamento com fundos para muro com o México

Washington, 23 mar (EFE).- O Congresso dos Estados Unidos aprovou, nesta sexta-feira, com o voto favorável do Senado, um projeto orçamentário de US$ 1,3 trilhão que inclui um grande aumento para o Pentágono e uma verba menor para o muro com o México, ao qual o presidente Donald Trump desejava.

Durante esta madrugada, o Senado deu aprovação por 65 votos a favor e 32 contra, para contas acordadas entre republicanos e democratas que já tinha sido aprovado ontem pela Câmara Baixa com 256 votos favoráveis e 167 contrários.

Trump ratificará o projeto antes da meia-noite desta sexta para evitar que os EUA incorram em um terceiro fechamento parcial administrativo em um intervalo de poucas semanas.

O orçamento aprovado hoje no Congresso com o apoio dos líderes democratas inclui uma verba de US$ 1,6 bilhão para iniciar a construção do muro na fronteira com o México, uma das obsessões de Trump.

Esse número, no entanto, fica longe dos US$ 25 bilhões que o presidente tinha pedido ao Legislativo.

As contas também incluem um aumento de US$ 66 bilhões para o Pentágono, cujo orçamento é de US$ 700 bilhões.

No acordo aprovado, não há menção aos jovens imigrantes ilegais conhecidos como "sonhadores", ameaçados de deportação pelas políticas de imigração de Trump e a cujo futuro os democratas condicionaram seu apoio às contas. EFE