Oito pessoas da mesma família somem no DF; seis corpos são achados carbonizados

Perícia ainda não identificou de quem são os corpos encontrados nos carros dos desaparecidos

8 pessoas da mesma família somem: Carro carbonizado em que quatro corpos foram encontrados, em Cristalina, Goiás - Foto: Divulgação/Polícia Militar
8 pessoas da mesma família somem: Carro carbonizado em que quatro corpos foram encontrados, em Cristalina, Goiás - Foto: Divulgação/Polícia Militar
  • Oito pessoas de uma mesma família desaparecem no DF;

  • Até o momento, seis corpos - ainda não identificados - foram encontrados em dois carros carbonizados;

  • Os veículos pertenciam às vítimas.

Oito pessoas de uma mesma família se tornaram alvo de investigações após desaparecerem no Distrito Federal. Até o momento, seis corpos foram encontrados em dois carros carbonizados, pertencentes às vítimas.

As polícias civis do DF e de Goiás estão investigando o que aconteceu, mas ainda não há suspeitos do crime. Ao g1, o delegado Cassius Zamó informou que as linhas de apuração estão em sigilo para não interferir no trabalho da polícia.

Os desaparecidos são:

  • Elizamar Silva, de 39 anos;

  • Os gêmeos Rafael e Rafaela, de 6 anos, filhos de Elizamar;

  • Gabriel, de 7 anos, filho de Elizamar;

  • Marido de Elizamar, de 30 anos;

  • Pai dele, de 54 anos;

  • Mãe dele, de 52 anos;

  • Irmã dele, de 25 anos.

Entenda o que aconteceu

Elizamar sumiu na quinta-feira (12) depois de sair com os três filhos mais novos para buscar o companheiro na casa dos pais dele, em Itapoã (DF). Ela mora em Santa Maria (DF) e vive há dez anos com o marido. Também é mãe de um rapaz de 24 anos e uma jovem de 18 anos.

Um dia após desaparecer, o veículo dela foi encontrado carbonizado com quatro corpos dentro, próximo à Cristalina (GO), no entorno do DF. À TV Globo, a filha mais velha de Elizamar disse que reconheceu o carro e que a família aguarda o resultado do exame de DNA, realizado pelo IML (Instituto Médico Legal), para identificar os corpos.

Já no domingo (15), foi registrada uma ocorrência na 33ª Delegacia de Polícia, em Santa Maria, sobre o desaparecimento do marido de Elizamar e da família dele.

Na madrugada desta segunda-feira (16), a Polícia Civil do DF encontrou dois corpos dentro de um carro carbonizado que pertencia ao sogro de Elizamar.

"Até o momento não temos informações se esses dois corpos localizados hoje (16) são dos desaparecidos. As diligências prosseguem no sentido de elucidar a dinâmica dos fatos e autoria dos crimes", diz a corporação, em nota.

De acordo com os filhos mais velhos de Elizamar, ela parou de responder às mensagens no celular e não atendeu mais o telefone depois de sair de casa. Antes da localização do veículo, a jovem de 18 anos fez um apelo nas redes sociais, pedindo o compartilhamento do post na tentativa de obter informações sobre o paradeiro da mãe e dos três irmãos mais novos.

Linha do tempo

  • Elizamar e os três filhos mais novos saem de casa para buscar o marido dela;

  • O homem estava na casa dos pais, em Itapoã;

  • Após sair de casa, Elizamar não respondeu às mensagens e ligações;

  • O desaparecimento dela foi registrado na quinta-feira passada (12);

  • Um dia depois, o veículo dela é encontrado com 4 corpos carbonizados e ainda não identificados;

  • No domingo (15), é feita uma ocorrência sobre o desaparecimento do marido, do sogro, sogra e cunhada de Elizamar;

  • Na madrugada de segunda-feira (16), a polícia encontra o carro do sogro carbonizado com dois corpos.