De olho na eleição, governo antecipa pagamento do Auxílio Brasil

Mais do que nunca de olho vidrado nas eleições — e ninguém tem tempo a perder —, o governo cumpriu o que o próprio chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, já havia prometido: antecipou o calendário de pagamento de agosto dos benefícios do Auxílio Brasil. Afinal, pensam os estrategistas da campanha de Jair Bolsonaro, quanto antes o eleitor receber o dinheiro, mais ele tenderia a mudar o seu voto.

Já a partir de 9 de agosto, o recurso estará disponível para uma parte dos beneficiários.

Assim, a partir de agora, o benefício passa a ser pago na primeira quinzena do mês — um auxílio já vitaminado pela PEC aprovada duas semanas atrás, de R$ 600 reais. Atualmente, o pagamento é feito nos últimos 10 dias úteis de cada mês.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos