Olimpíadas: Brasil será representado apenas por Bruninho e Ketleyn Quadros na cerimônia de abertura dos Jogos

·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Apenas os porta-bandeiras Bruno Rezende, do vôlei, e Ketleyn Quadros, do judô, estarão presentes no desfile dos países na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Eles serão acompanhados pelo chefe de missão do Time Brasil, Marco La Porta, e por mais um oficial administrativo.

Em nota, o COB explicou que "a decisão foi tomada levando-se em consideração a segurança dos atletas brasileiros em cenário de pandemia, minimizando riscos de contaminação e contato próximo, zelando assim pela saúde de todos os integrantes do Time Brasil.A missão brasileira respeita a importância e simbolismo da Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos. Bruno e Ketleyn serão legítimos representantes de toda a delegação e irão honrar os mais elevados Valores Olímpicos ao entrarem com a Bandeira do Brasil no Estádio Olímpico de Tóquio".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos