Olimpíadas: Na maratona aquática, frustrações levaram a medalhas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Ana Marcela Cunha ganhou a primeira medalha de ouro para o Brasil na maratona aquática, prova em que os atletas nadam 10km. É o segundo ouro da história da natação brasileira. O primeiro foi com César Cielo, nos 50 metros livres, em Pequim, na China. Na maratona, antes de Ana Marcela, o Brasil já havia ganho uma medalha de bronze, em 2016, com Poliana Okimoto. Porém, as medalhas na modalidade não vieram sem que antes as nadadoras tenham enfrentado frustrações.

O esporte entrou para o calendário olímpico em 2008, na Olimpíada de Pequim, na China. Lá, as brasileiras, apesar de não terem ganho medalhas, fizeram um bom trabalho. Nadaram o tempo todo no primeiro pelotão e chegaram próximas a conseguir o pódio. Ana, então com 16 anos, foi a 5ª colocada e Poliana a 7ª.

Na olimpíada seguinte, em Londres, começaram as frustrações para as atletas. Ana sequer conseguiu se classificar. Poliana Okimoto abandou a prova após ter uma hipotermia provocada pela baixa temperatura da água. Ela chegou a desmaiar enquanto era atendida pelos médicos.

Em casa, na Rio 2016, as coisas pareciam que seriam diferentes. E foram, pelo menos para Poliana. Ana Marcela, considerada favorita, teve problemas para se alimentar ao longo da prova e terminou a competição apenas em 10º lugar, gerando nela uma grande frustração. Já Poliana, depois dos problemas em Londres, conseguiu o bronze.

Logo após a prova, ela disse em entrevista ao SporTV:

— Foi uma experiência muito difícil pra mim. Nesse ano, eu tentei deixar um pouco de lado isso, a minha psicóloga me ajudou muito a esquecer o passado e pensar no hoje, no futuro.

Em Tóquio, Ana Marcela foi a única representante brasileira — Poliana Okimoto acabou de ser mãe —, conseguiu superar suas frustrações e nadar para o ouro.

— Eu soube lidar muito bem com essas perdas. Não ter conquistado alguns resultados só me deu mais motivo e mais gana para conquistar essa medalha – disse a nadadora.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos