OMS alerta sobre aumento exponencial de casos de covid-19 em muitos países

·1 minuto de leitura
Mulher de máscara diante de centro de diagnóstico de covid-19 em Praga
Mulher de máscara diante de centro de diagnóstico de covid-19 em Praga

A Organização Mundial da Saúde (OMS) advertiu, nesta sexta-feira (23), que o hemisfério norte se encontra em um momento crítico frente à pandemia de covid-19, com muitos países registrando um crescimento exponencial de casos de coronavírus.

"Muitos países estão experimentando um aumento exponencial de casos de covid-19, e isso está levando os hospitais e as unidades de tratamento intensivo estarem perto, ou terem ultrapassado seus limites de capacidade. E estamos apenas em outubro", declarou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em entrevista coletiva.

"Estamos em um momento crítico da pandemia, principalmente no Hemisfério Norte", acrescentou.

Ele considerou que "os próximos meses serão muito difíceis, porque alguns países seguem um rumo perigoso".

Nas últimas 24 horas, cerca de metade dos casos registrados no mundo foram na Europa, afirmou a responsável da gestão da pandemia na OMS, Maria Van Kerkhove.

Em vários países da Europa, os limites de capacidade dos hospitais serão alcançados nas próximas semanas, estimou a especialista.

"Pedimos urgentemente aos líderes que tomem medidas imediatas para evitar outras mortes inúteis, o colapso dos serviços de saúde essenciais e o fechamento das escolas", afirmou a chefe da OMS.

Se os governos conseguirem "aplicar seu sistema de rastreamento de contatos e concentrar-se no isolamento de todos os casos e na quarentena dos contatos", então será possível evitar um confinamento generalizado.

A pandemia de coronavírus causou mais de 1,1 milhão de mortes no mundo depois que o escritório da OMS na China registrou o surgimento da doença no final de dezembro.

Na Europa, o número de casos supera 8,2 milhões e mais de 258.000 pessoas morreram de covid-19.

apo/rjm/sg/mis/pc/tt/aa