OMS aprova uso emergencial da CoronaVac contra a Covid-19

RIO — A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou nesta terça-feira o uso emergencial da vacina contra a Covid-19 CoronaVac, garantindo que "atende aos padrões internacionais de segurança, eficácia e fabricação". O imunizante é desenvolvido pela farmacêutica Sinovac, com sede em Pequim, e no Brasil é produzida em parceria com o Instituto Butantan.

Segundo comunicado da organização, com base nas evidências disponíveis, a OMS recomenda que a vacina seja usada em adultos de 18 anos ou mais, em um esquema de duas doses com espaçamento de duas a quatro semanas.

A matéria segue em atualização.