OMS sugere 'vigilância extrema'

A Organização Mundial da Saúde comemorou o fim do lockdown em diversos países na Europa, nesta segunda-feira. No entanto, pediu 'vigilância extrema' para evitar uma segunda onda maior de contaminações pelo novo coronavírus.