Onda de calor na Europa se desloca para o leste, que registra recordes de temperaturas

A histórica onda precoce de calor na Europa, que atinge principalmente a França e Espanha desde quinta-feira (16), começou a diminuir neste domingo (19) no sudoeste e no oeste do continente, deslocando as altas temperaturas para o leste, onde o termômetro pode chegar aos 38°C.

Depois de registrar temperaturas acima de 40°C e de bater vários recordes de calor no sábado (18), no oeste da França as tempestades previstas para este domingo (19) ajudarão a "diminuir gradualmente" a onda de calor, de acordo com a Météo France, a agência de meteorologia francesa.

As temperaturas caíram na costa atlântica, mas continuam em alta nas regiões do nordeste, onde o serviço meteorológico prevê até 38°C, e na Alsácia, no leste.

Neste domingo de manhã, Météo France suspendeu o alerta vermelho no sudoeste do país, mas 50 departamentos nas regiões centro e noroeste estão em alerta laranja, o segundo mais elevado, e 32 permanecem em alerta amarelo, informou o órgão em seu boletim matinal.

Neste sábado (18), o serviço meteorológico da França registrou "picos próximos aos 42°C/43°C" no sudoeste, com recordes em Biarritz (42,9°C), no País Basco; em Cap-Ferret (41,9°C), na Baía de Arcachon; ou em Biscarrosse, em Landes (41°C, recorde equivalente ao de 1968).

A barreira simbólica dos 40°C também foi alcançada em várias regiões no oeste do país. Em Paris, o termômetro se estabilizou em torno dos 37°C. Em Bordeaux, no sudoeste, os termômetros atingiram 40ºC.

(Com informações da AFP)


Leia mais

Leia também:
Onda de calor chega mais cedo e França deve registrar 40°C ainda na primavera
Falta de chuvas e calor preocupam agricultores franceses que temem seca
Espanha combate incêndios florestais provocados por onda extrema de calor

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos