Onda de violência na região de Caxemira

Em várias cidades indianas foram organizados protestos contra os ataques que acontecem em Dhangri, uma aldeia remota em Caxemira. Segundo as as autoridades, nos últimos seis dias morreram dez pessoas.

No domingo, três casas foram alvejadas por dois homens armados, supostamente rebeldes contra o governo da Índia. O incidente deixou quatro residentes mortos e cinco feridos. Esta segunda-feira, duas crianças morreram na explosão de uma bomba artesanal e vários feridos foram transportados para o hospital.

As autoridades indianas descreveram os ataques como "terror cobarde" e prometem não deixar os culpados impunes.

A Índia e o Paquistão reivindicam a totalidade do território dividido de Caxemira. Os rebeldes, na região controlada pela Índia, combatem o domínio de Nova Deli desde 1989.