ONG oferece maconha a quem se vacinar contra o coronavírus

Colaboradores Yahoo Notícias
·1 minuto de leitura
(AP Photo/Richard Vogel)
(AP Photo/Richard Vogel)

Para estimular a vacinação contra o novo coronavírus, uma ONG nos Estados Unidos decidiu oferecer um brinde a quem se imunizar: maconha. O presente será distribuído em Washington pela entidade não-governamental DC Marijuana Justice (DCMJ).

A iniciativa, segundo o jornal Extra, recebeu o sugestivo apelido de “Baseados por Vacinas”. Adam Eidinger, um dos fundadores da ONG, disse que a iniciativa tem como objetivo apoiar a ciência.

Leia também

“Se você acredita na ciência que apoia a cannabis medicinal, deve acreditar na ciência que apoia a eficácia da vacina”, argumentou ele.

“Estamos procurando maneiras de celebrar com segurança o fim da pandemia e desconhecemos algo que una mais as pessoas do que a cannabis”, disse à revista Forbes Nikolas Schiller, outro fundador do grupo.

“A DCMJ acredita que a cannabis deve ser consumida com segurança e responsabilidade, e a pandemia tornou isso incrivelmente difícil para muitos adultos compartilharem sua cannabis cultivada em casa”, acrescentou.

Em janeiro de 2017, a DCMJ distribuiu milhares de cigarros de maconha durante a posse de Donald Trump para pressioná-lo a discutir a cannabis durante o mandato presidencial.

A ONG planejava uma iniciativa semelhante para a posse de Joe Biden, na próxima quarta-feira (20), porém o avanço da pandemia nos Estados Unidos forçou o adiamento da distribuição para julho.