ONS melhora previsão para carga de energia e nível de reservatórios em janeiro

Itaipu

SÃO PAULO (Reuters) - O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) passou a prever uma queda menor da carga de energia em janeiro, ao mesmo tempo em que elevou a estimativa para o nível de reservatórios de hidrelétricas do Sudeste/Centro-Oeste no fim do mês, segundo boletim publicado na véspera.

Para a carga, o órgão estima agora recuo de 1,4% frente a janeiro de 2022, ante queda de 2,2% prevista na semana passada.

Já para os lagos das usinas do Sudeste/Centro-Oeste, o ONS projetou que cheguem ao final de janeiro com 69% da capacidade, contra 67% projetados anteriormente.

O órgão fez ainda ajustes nas estimativas para o volume de chuvas que deve chegar às hidrelétricas do país no mês. No Sudeste/Centro-Oeste, a previsão passou de 122% da média histórica para 120% em janeiro; no Nordeste, de 108% para 106%; e no Norte, de 156% para 152%. Já no Sul, a estimativa foi elevada de 84% para 93%.

(Por Letícia Fucuchima)