Começa em Cuba sessão parlamentar para designar novo presidente do país

Havana, 18 abr (EFE).- Cuba iniciou nesta quarta-feira a histórica sessão parlamentar de dois dias que concretizará a saída de Raúl Castro da Presidência do país e na qual seu sucessor será designado, com o primeiro vice-presidente Miguel Díaz-Canel como favorito.

Raúl Castro, que foi recebido com uma ovação, compareceu ao ato acompanhado de Díaz-Canel, ambos vestidos de terno e gravata.

A sessão parlamentar, realizada no Palácio de Convenções de Havana, começou presidida pela titular da Comissão Eleitoral Nacional, Alina Balseiro, como responsável do órgão que representa a Assembleia Nacional entre períodos de sessões.

A abertura da 9ª Legislatura de Cuba e a instalação da Assembleia Nacional do Poder Popular (Parlamento) resultante das eleições gerais de 11 de março começou com a leitura dos nomes, um a um, dos 605 deputados eleitos em todo o país.

O passo seguinte da sessão será nomear os membros que integrarão a direção do Parlamento: presidente, vice-presidente e secretário.

Posteriormente, será iniciado o processo para a escolha do Conselho de Estado - o principal órgão de governo em Cuba - pelo qual a Comissão de Candidaturas Nacionais (CCN) apresentará as proposições para presidente do país, primeiro vice-presidente, os vice-presidentes (5), o secretário e demais membros (23).

A votação para esses cargos será realizada hoje, mas os resultados só serão divulgados amanhã, anunciaram nesta quarta-feira veículos de imprensa oficiais. EFE