Opções de nova data para o Enem vão até maio de 2021

Paula Ferreira
·1 minuto de leitura
Prova do Enem no Rio

BRASÍLIA- O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizará três opções de remarcação de datas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. No caso da prova impressa, os estudantes poderão escolher entre 6 e 13 de dezembro; 10 e 17 de janeiro de 2021; e 2 e 9 de maio de 2021. A enquete ficará disponível aos candidatos entre os dias 20 e 30 de junho.

Em relação ao Enem digital, os candidatos têm as opções dos dias 10 e 17 de janeiro de 2021; 24 e 31 de janeiro de 2021; e 16 e 23 de maio de 2021. As datas sugeridas consideram o adiamento da prova em 30, 60 ou 80 dias em relação ao cronograma previsto inicialmente.

Para participar da enquente, os candidatos inscritos devem acessar a página do participante na internet e inserir o CPF e a senha.

De acordo com o edital original do exame, as provas seriam realizadas nos dias 1 e 8 de novembro, no caso do Enem impresso, e 22 e 29 de novembro para o digital. No entanto, após pressão da sociedade civil e diversas ações na justiça, o Ministério da Educação (MEC) resolveu adiar a prova. Em março, o GLOBO mostrou que desde o início da suspensão de aulas a equipe do Inep já defendia o adiamento da prova, mas o martelo seria batido pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, que oferecia resistência à mudança de prazo.

Após desgaste também no Congresso, Weintraub voltou atrás e anunciou o adiamento do Enem. Todos os estados do país têm aulas suspensas devido à pandemia causada pelo novo coronavírus.