Oposição tcheca caminha para tirar a maioria das mãos do primeiro-ministro Babis

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Jason Hovet e Robert Muller

PRAGA (Reuters) - Grupos de oposição tchecos de centro-direita e liberais estão no caminho para vencer a eleição parlamentar deste sábado, derrubando o partido ANOP, do primeiro-ministro Andrej Babis, e seus aliados, segundo resultados parciais e projeções.

Juntos e outro grupo de oposição, os liberais Piratas / Prefeitos estavam a caminho de ganhar 108 assentos combinados na câmara baixa de 200 assentos do parlamento, um cálculo da Televison tcheca mostrou.

Isso dá aos dois partidos a chance de formar um governo de maioria para substituir Babis e seus dois partidos aliados, que abandonaram o parlamento na eleição de dois dias que terminou ao meio-dia deste sábado.

Babis, de 67 anos, foi alvo de críticas durante a campanha de que teria administrado mal a pandemia do coronavírus, alimentado dívidas e cuidado de interesses próprios comerciais no cargo. Babis nega todas as acusações.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos