Orçamento secreto vai tirar R$ 10 bilhões da verba para saúde em 2023

O orçamento secreto deve capturar cerca de R$ 10 bilhões do valor previsto a ações e serviços públicos de saúde no projeto de Orçamento de 2023. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo.

Segundo reportagem divulgada nesta quinta-feira (25), o valor é “o mínimo que o governo tem, por obrigação constitucional, que destinar à área no Orçamento”.

No Orçamento deste ano, o mínimo obrigatório para a saúde era de R$ 139,8 bilhões. Apesar disso, o valor subiu para R$ 150,5 bilhões devido às emendas de relator acima do piso e outros acréscimos destinados à área.

Já no próximo ano, ainda segundo o jornal, é previsto que o Orçamento da saúde fique em R$ 149,3 bilhões —valor que já conta com os R$ 10 bilhões de emenda de relator dentro do piso.

Com isso, é possível que essa captura do Orçamento da saúde piore a situação do SUS (Sistema Único de Saúde). Ao jornal O Estado de S. Paulo, Bruno Moretti, assessor legislativo no Senado e especialista em orçamento público, explicou o motivo.