Organização oferece apoio psicológico gratuito a candidatas negras e LGBT

FABIANA SCHIAVON
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Para atender candidatas mulheres negras, homossexuais e trans, que sofrem violência física e psicológica durante a campanha eleitoral, a Casa 1 lançou o projeto Escuta Candidata. O programa gratuito oferece apoio psicológico às candidatas e à sua equipe, como assessoras, chefes de campanha, comunicólogas e toda a rede que viabiliza a corrida eleitoral. As constantes ameaças sofridas por essas candidatas e políticas em exercício, como o assassinato da vereadora Marielle Franco, fizeram surgir a iniciativa. O programa foi criado a partir de um financiamento coletivo, que arrecadou perto de R$ 90 mil. A pré-inscrição precisa ser feito pelo formulário disponível através do seguinte endereço: https://cutt.ly/ohqeE23. O trabalho é coordenado pela a Clínica Social Casa 1, o braço de saúde mental da Casa 1 - centro de cultura e acolhida de LGBTs, localizado no bairro do Bixiga.