Os 4 melhores veteranos do futebol de 2021

·3 min de leitura

Cristiano Ronaldo, aos 36 anos, está definitivamente naquele grupo de jogadores que são chamados de veteranos. Sem que isso seja uma ofensa. Mas seus números ignoram os efeitos do tempo, e o canto do cisne antes da aposentadoria dá sinais de que será longo, do tamanho da história que o português ainda escreve no futebol. Ele foi escolhido pela equipe de esportes do GLOBO como o maior destaque do futebol mundial com idade acima dos 34 anos. Confira a lista:

1. Cristiano Ronaldo (Juventus e Manchester United / Portugal)

O português não conquistou títulos de expressão. Só não passou em branco porque venceu a Copa da Itália. Mas o jogador acumula 45 gols em 2021, mais do que fez em 2019 e 2020. Se a variante Ômicron não atrapalhar, ele ainda terá duas partidas para fazer pelo Manchester United antes da folha do calendário virar.

Seu principal feito foi ter terminado a última edição do Campeonato Italiano no topo da artilharia, à frente de Lukaku, destaque da campeã Internazionale. Pela seleção, iniciou a Eurocopa com a ambição de conquistar o bicampeonato europeu. Mas sua equipe não deu sorte nos cruzamentos. Avançou para as oitavas em um grupo difícil, com Alemanha e França, mas na sequência encontrou a Bélgica. Acabou eliminado, mas seus cinco gols fizeram com que fosse o principal goleador da competição.

2. Chiellini (Juventus / Itália)

O zagueiro estava prestes a fazer 37 anos quando capitaneou a Itália na conquista da Eurocopa, um título gigantesco para uma seleção mais do que tradicional, que amargou decadência desde que não se classificou para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018.

A conquista teve sabor de redenção para os da sua geração, marcados pelo fracasso nas Eliminatórias de 2017. Deu a volta por cima ao servir de sustentação para a renovação promovida pelo técnico Roberto Mancini. Na Juventus, conquistou a Copa da Itália, um título de consolação depois de o time perder a hegemonia de nove anos no Italiano.

3. Thiago Silva (Chelsea / Brasil)

Tantos anos à frente da zaga do badalado Paris Saint-Germain sem que fosse campeão da Champions parecia indicar que o zagueiro estava fadado a não levantar o troféu de clubes mais importante do mundo. Mas Thiago Silva se transferiu para o Chelsea e teve papel fundamental na conquista, que veio após vitória sobre o favorito Manchester City.

Aos 37 anos, mesmo estreante, deu conta do nível da Premier League, principal competição nacional de clubes do mundo. Segue bem também na seleção brasileira. Foi vice-campeão da Copa América e ajudou o Brasil a se classificar com antecedência para a Copa do Qatar. Só não vai ao Mundial em caso de problemas físicos.

4. Hulk (Atlético-MG)

Completa o grupo de veteranos, Hulk. Aos 35 anos, o atacante chegou ao Atlético-MG e, mesmo com o currículo vitorioso na Europa, veio sob desconfiança de parte da torcida, pelo fato de praticamente não ter atuado no futebol brasileiro antes de desbravar o futebol no exterior.

Pois bem: o jogador foi completamente dominante na sua temporada de estreia na terra natal. Foi campeão brasileiro, da Copa do Brasil e do Campeonato Mineiro. Foi também o artilheiro do Brasileiro e da Copa do Brasil. Eleito o melhor jogador da temporada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos