Os riscos para a saúde causados pelo mofo dentro de casa e como combatê-lo

Apesar de ser encontrado em grande parte nas áreas externas, o mofo, com a umidade, também pode ser encontrado dentro de casa e dependendo da quantidade pode ter sérios problemas de saúde. Em 2020, por exemplo, uma criança de dois anos morreu devido a um problema respiratório causado por um mofo preto dentro de sua residência.

De acordo com Chun Tang, diretor médico da clínica de saúde privada Pall Mall, a exposição ao mofo pode causar uma condição conhecida como toxicidade do mofo, que pode causar dificuldades respiratórias, como asma e falta de ar, além de estar ligada a sintomas como dores de cabeça, alterações de humor e até disfunção sexual.

“O mofo é uma biotoxina, um veneno produzido por organismos vivos, que pode desencadear vários problemas relacionados ao cérebro, desde a perda de memória até o aumento da ansiedade”, disse o médico.

Há quatro tipos principais de mofos encontrados em casa. São eles:

Stachybotrys — Também conhecido como bolor preto, é um dos tipos mais notórios, porque produz toxinas chamadas micotoxinas que são perigosas para os seres humanos e podem causar problemas respiratórios, supressão do sistema imunológico e deficiência mental.

Cladosporium — Esse tipo de mofo é marrom, verde ou preto e é mais frequentemente encontrado em madeira, tapetes e tecidos. De acordo com especialistas em saúde, ele é associado a infecções oculares, auditivas e sinusais, bem como problemas de pele.

Aspergillus — De coloração verde, branca ou cinza, ela se distingue por suas manchas escuras e aparência pulverulenta. Esse mofo se desenvolve com mais frequência em paredes, sótãos, porões e alimentos secos, e pode ser especialmente para pessoas que já sofrem de asma e outras complicações respiratórias ou têm um enfraquecimento sistema imunológico.

Penicillium — Este é um molde de aparência difusa, que pode ser azul, verde ou amarelo. Assim como o Aspergillus, é encontrado sob tapetes, porões e paredes de isolamento, e pode ser uma ameaça para pessoas com sistema imunológico comprometido.