Oscar adia entrega de prêmios honorários por conta da Covid-19

·1 min de leitura
Diretora Chloe Zhao, vencedora de
Diretora Chloe Zhao, vencedora de "Melhor Filme" por "Nomadland", no Oscar 2021. Foto: Chris Pizzello/Pool via REUTERS

Resumo da notícia:

  • Oscar adia entrega de prêmios honorários por conta da Covid-19

  • Aumento de casos nos Estados Unidos causou a alteração da data marcada para 15 de janeiro

  • A cerimônia principal do Oscar 2022 segue marcada para 27 de março

O aumento de casos de Covid-19 nos Estados Unidos causou o adiamento do Governors Awards, cerimônia de entrega dos prêmios honorários do Oscar, que aconteceria no próximo dia 15 de janeiro. De acordo com a Variety, ainda não se sabe qual será a nova data do evento.

“Tomamos a difícil decisão de mudar nossos planos para o Governors Awards presencial do dia 15 de janeiro. Devido às incertezas quanto às variantes [da Covid-19], e ao impacto que isso pode ter em nossa comunidade, sentimos que esta é a melhor e mais segura decisão a se tomar para os nossos premiados e convidados”, disse a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas em nota à imprensa.

“Traremos uma nova data em breve, conforme continuamos a priorizar a saúde e bem-estar de todos os envolvidos”, completou o comunicado.

Samuel L. Jackson, Liv Ullmann e Elaine May serão os homenageados do ano e o prêmio Jean Hersholt por ações humanitárias será entregue para Danny Glover.

Sobre a cerimônia principal do Oscar 2022, a data não sofreu alterações até o momento e segue marcada para 27 de março. E os indicados serão divulgados no próximo dia 8 de fevereiro.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos