Alphabet sobe e ampara S&P 500 e Nasdaq; Amazon recua

·2 minuto de leitura
Bolsa de Nova York

(Reuters) - Os índices Nasdaq e S&P 500 subiam nesta quarta-feira, amparados pelas ações da Alphabet Inc após a empresa divulgar fortes resultados, enquanto investidores contavam com mais estímulos fiscais para enfrentamento da desaceleração econômica.

A Alphabet Inc saltava 7%. A empresa se beneficiou de lockdowns que levaram anunciantes de varejo e de outros setores para plataformas online.

As ações da controladora do Google empurravam o índice de serviços de comunicação a um ganho de 2,2% e a uma máxima recorde. Seis dos 11 principais setores do S&P subiam.

Já a Amazon.com Inc caía 0,1%, em meio à surpresa com a decisão de Jeff Bezos de renunciar ao posto de CEO. A notícia ofuscava o otimismo com os fortes resultados trimestrais da empresa divulgados na noite da véspera. Contudo, analistas mostraram entusiasmo com a promoção do chefe dos negócios de computação em nuvem ao posto mais alto da companhia.

Cerca de 83% dos balanços divulgados até agora por empresas do S&P 500 superaram expectativas de lucro e 97% dos resultados de companhias de tecnologia vieram acima do projetado, de acordo com dados da Refinitiv.

Nesta quarta, o presidente dos EUA, Joe Biden, vai se reunir com democratas do Congresso que se preparam para avançar com seu plano de ajuda de 1,9 trilhão de dólares contra a Covid-19, apesar da resistência republicana.

"A recuperação econômica está a caminho e o mercado ainda está muito focado no setor de tecnologia... o foco mudará em algum ponto nos próximos meses para ações de valor... é aí que está a oportunidade", disse Olivier Sarfati, diretor de ações da GenTrust em Nova York, referindo-se a papéis considerados descontados e que se beneficiam de inícios de ciclos de recuperação econômica.

Às 13:25 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,12%, a 30.650 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,063246%, a 3.829 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 0,13%, a 13.630 pontos.

(Por Devik Jain e Medha Singh)