Índices viram para baixo apesar de balanços corporativos positivos

·1 min de leitura
Pedestres caminham em frente à Bolsa de Valores de Nova York

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street caíam no fim da manhã desta quinta-feira, com o Nasdaq sucumbindo após ser apoiado mais cedo pela alta nos papéis da fabricante de chips Nvidia, que divulgou resultados robustos para o terceiro trimestre.

Uma nova leva de balanços positivos no setor varejista indicava força dos gastos do consumidor em um cenário de alta da inflação, mas ainda assim as bolsas de Nova York recuavam no dia.

O Dow Jones era pressionado pelo tombo de 8,6% nas ações da fabricante de equipamentos de rede Cisco Systems Inc., que previu receita para o trimestre atual abaixo das expectativas devido à escassez e atrasos na cadeia de suprimentos.

Já a Nvidia saltava 9,3%, chegando a subir quase 12% no pico, quando bateu recorde intradiário. A empresa superou estimativas trimestrais e previu forte receita para o quarto trimestre, esperando se beneficiar do crescimento em seus negócios de data center e investimentos no metaverso.

Os ganhos generalizados em ações de fabricantes de chips empurravam o índice Philadelphia de semicondutores para alta de 1%. Na máxima, o índice saltou 2,2%, indo a um valor recorde.

Fortes altas em ações de empresas de varejo davam algum suporte ao mercado geral. Macy's Inc e Kohl's Corp saltavam 14,3% e 6,2%, respectivamente, depois de aumentarem suas previsões para vendas anuais e de lucro.

O setor de bens de consumo discricionário do S&P aumentava 0,6%.

Às 13:01 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,49%, a 35.756 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,17%, a 4.681 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,11%, a 15.903 pontos.

(Por Ambar Warrick e Devik Jain)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos