S&P coloca ratings da Samarco Mineração em observação negativa após rompimento de barragens

SÃO PAULO (Reuters) - A agência de classificação de risco Standard & Poor's anunciou nesta sexta-feira que colocou em observação (creditwatch) negativa os ratings da mineradora Samarco, uma joint venture da Vale com a australiana BHP Billiton, por causa do rompimento de barragens em Minas Gerais. "Colocamos os ratings 'BB+' na escala global e 'brAA+' na Escala Nacional Brasil da empresa na listagem CreditWatch com implicações negativas", disse a S&P. Na quinta-feira, duas barragens de rejeitos da mineradora se romperam, causando grandes danos materiais em localidades do município de Mariana. Até o momento foi confirmada uma morte e mais de 30 feridos. A S&P disse que no momento não é possível "avaliar a total extensão do prejuízo e seu potencial impacto sobre as operações da empresa, bem como os possíveis passivos contingentes". "Esperamos solucionar o CreditWatch assim que tivermos uma melhor visão do potencial impacto que o recente acontecimento terá sobre o desempenho operacional e financeiro da Samarco", disse a S&P. (Por Raquel Stenzel)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos