País abre 401 mil vagas de trabalho formal em fevereiro, diz Caged

FÁBIO PUPO
·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* São Paulo, SP, Brasil, 06-12-2017 - Carteira de trabalho e previdência social. Ministério do Trabalho e Emprego. (foto Gabriel Cabral/Folhapress)
*ARQUIVO* São Paulo, SP, Brasil, 06-12-2017 - Carteira de trabalho e previdência social. Ministério do Trabalho e Emprego. (foto Gabriel Cabral/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O mercado de trabalho brasileiro registrou abertura líquida (contratações menos desligamentos) de 401,6 mil vagas em fevereiro.

O resultado ficou acima do registrado em janeiro (abertura de 258,1 mil postos de trabalho, com ajustes) e também acima de fevereiro do ano passado, quando o saldo líquido foi de 225,6 mil (também com ajustes).

Os dados são do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado nesta terça-feira (30) pelo Ministério da Economia e que abrange apenas contratos regidos pela CLT (Consolidacao das Leis do Trabalho).

O saldo de fevereiro é resultado de 1,6 milhão de admissões e 1,2 milhão de desligamentos.

Houve saldo positivo nos cinco setores, liderados por serviços (abertura de 173,5 mil postos), seguido por indústria (93,6 mil postos), comércio (68,1 mil), construção (43,4 mil) e agropecuária (23,1 mil).