Pablo em 'Todas as flores', Caio Castro tem relação de 15 anos com Letícia Colin e Sophie Charlotte: 'Intimidade ajuda muito'

Em “Todas as flores”, Caio Castro se envolve amorosamente com antigas parceiras. Foi com Sophie Charlotte que Caio estreou aos 18 anos nas novelas, em “Malhação”, após ganhar um concurso no “Caldeirão do Huck” em 2007. Na trama teen, eles formavam um par romântico e, fora das telas, tiveram um breve namoro, que durou três meses. Já Letícia foi Leopoldina, mulher de Dom Pedro I, protagonista do ator em “Novo Mundo” (2017).

— O trabalho fica até mais legal, porque a gente tem assunto para conversar. Não fica aquela coisa exaustiva. A gente consegue ter ali uma relação nos intervalos. E, para as cenas que temos, a intimidade ajuda muito — diz Caio, que não arrisca palpitar sobre os reais sentimentos do personagem: — Não sei até onde ele gosta mesmo da Maíra ou até onde isso está sendo só mais um desafio. Ainda não descobri o final de Pablo. João nem tinha definido. É uma incógnita!

Fato é que as cenas mais íntimas entre o modelo e Vanessa estão dando o que falar. E gravar essas sequências picantes não tem sido um problema para a dupla.

— Não posso dizer que são confortáveis de se fazer porque exigem muita técnica, principalmente para esconder as partes íntimas do corpo. Tem toda uma mecânica, é muito mais amarrado do que solto. Mas acho bem de boa — diz ele, que aposta que a parceira também se sente à vontade no set: — A gente se conhece desde 1800 (risos)! Vejo que Letícia fica tranquila também porque convivemos desde os meus 18 anos. Quando eu cheguei ao Rio, a gente fazia parte do mesmo escritório e já trabalhávamos juntos na época. Depois, fomos casados em “Novo Mundo”. Nossa intimidade deixa as coisas muito mais fáceis. E ela é uma baita atriz. Trocamos essas experiências sem nenhum medo de absolutamente nada.