Pacheco diz que há 'muita resistência' no Senado a projeto que flexibiliza compra de vacinas por empresas

Daniel Gullino e Paula Ferreira
·1 minuto de leitura

BRASÍLIA — O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmou nesta quarta-feira que há "muita resistência" entre senadores ao projeto que flexibiliza a compra de vacinas contra a Covid-19 por empresas. Pacheco disse, no entanto, que os senadores estão debatendo a "oportunidade de pauta" da proposta, aprovada na semana passada na Câmara.

— Esse projeto está sendo discutido ainda no âmbito do colégio de líderes do Senado. Reconheço muita resistência dos senadores em relação ao andamento do projeto. Mas estamos trabalhando no diálogo, no colégio de líderes, para avaliar a oportunidade de pauta no Senado Federal — disse Pacheco, em pronunciamento no Palácio do Planalto.