Pacheco diz que sabatina de Mendonça deve ocorrer nas próximas semanas

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

BRASÍLIA - O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmou nesta quinta-feira que espera que a sabatina do ex-advogado-geral da União, André Mendonça, ocorra nas próximas semanas. Mendonça foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF) em julho.

Pacheco também disse que não vê como pressão a iniciativa do líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), de reunir assinaturas na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) em defesa da sabatina, conforme antecipou o GLOBO. Os dois conversaram ontem sobre o assunto.

Bezerra conseguiu apoio da maioria dos membros da CCJ para tentar forçar o presidente do colegiado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), a pautar a indicação, que está parada há três meses.

— Todas as manifestações são muito legítimas, temos que respeitá-las, são manifestações de vontade, de desejo, de intenção em razão do ato de sabatina da indicação para o STF. Recebo com tranquilidade isso, não é fator de pressão, mas é uma manifestação de vontade que precisa ser considerada pela presidência do Senado, certamente será considerada pelo presidente da CCJ e pelos demais senadores — disse Pacheco, ao ser questionado sobre a iniciativa de Bezerra.

E acrescentou:

— Acredito muito em uma solução de consenso, a partir do diálogo, e que possamos ter essa etapa vencida nas próximas semanas com a sabatina da indicação do ministro do STF. Estou trabalhando por isso, essa é a minha intenção, que haja a sabatina.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos