Padre abandona a missa após se irritar com apoio de fieis a Lula em igreja de Goiás

Padre abandonou missa após discussão com apoiadores de Lula - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Padre abandonou missa após discussão com apoiadores de Lula - Foto: Reprodução/Redes Sociais
  • Padre abandonou missa na cidade goiana de Nerópolis após se irritar com fieis

  • Apoiadores do presidente eleito Lula teriam feito o sinal de "L" com as mãos

  • Religioso pediu que os petistas deixassem a igreja, mas não foi atendido

Um padre tirou a batina e abandonou a missa que ministrava no último domingo (6) na cidade Nerópolis, região metropolitana de Goiânia, após se irritar com manifestações de fieis em apoio ao presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Um vídeo registrado por uma testemunha mostra o padre pedindo silêncio. "É? Então, beleza. Vocês não precisam de padre? Então, estou deixando a paróquia", emenda.

Na sequência, o padre tira a própria batina, joga na direção dos fieis e deixa a missa por uma porta.

De acordo com o g1, o religioso foi identificado como Danilo Neto e ministrava a missa na Igreja Matriz Imaculado Coração de Maria. A Diocese de Anápolis, que responde pela paróquia de Nerópolis, confirmou ao portal que o episódio foi o desdobramento de uma discussão sobre política.

Apoio ao presidente eleito

De acordo com testemunhas que presenciaram o entrevero, o padre se irritou depois que fieis fizeram o sinal de "L", comum a apoiadores de Lula, com as mãos.

Danilo, então, teria pedido que quem fosse a favor do presidente eleito deixasse a igreja, momento no qual uma fiel se levantou e começou a discutir com ele.

Irritado com a permanência dos apoiadores petistas, o padre, então, decidiu deixar a missa.