Padres absolvidos

Em meio a novos escândalos de pedofilia, o Vaticano anunciou nesta quarta-feira que absolveu o padre italiano Gabriele Martinelli, de 29 anos, julgado em primeira instância pelo suposto estupro de um menor, um ano mais jovem. O crime teria ocorrido quando ambos viviam na Santa Sé, entre 2007 e 2012.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos