Paes prevê liberação de máscaras em locais fechados até 15 de novembro no Rio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O prefeito Eduardo Paes disse que, quando chegar a 75% da população total do Rio vacinada contra Covid-19, pretende liberar máscaras em locais fechados no município. O índice equivale a 100% da população- alvo com esquema vacinal completo. Pelas projeções dele isso deve acontecer até 15 de novembro.

Já a liberação das máscaras em locais abertosvai ocorrer quando se chegar a 65% de cobertura. A previsão é que aconteça até terça que vem. Como já anunciado pela prefeitura. Segundo Paes, as duas medidas só não serão tomadas caso há alguma decisão judicial ou piora nos índices da pandemia.

— Nós seguimos a ciência. No nosso comitê científico, temos dois ex-ministros da Saúde, tenho integrantes de várias instituições, como Fiocruz. Se dependesse de determinados setores teria fechado a praia. O mundo inteiro estabeleceu a partir da vacinação a abertura. Nós temos critérios objetivos — afirmou.

Paes criticou a iniciativa das universidades federais de só retornarem as atividades presenciais em 2022 quando todos os outros setores já estão voltando.

O prefeito admitiu que dificilmente conseguirá trazer de volta os 25 mil alunos que não participaram de atividades presenciais ou virtuais da rede pública desde março do ano passado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos