Pagamento de pensão, acusação de fraude, traição: as polêmicas dos convocados por Tite

Enquanto os 26 convocados por Tite comemoram a oportunidade de vestir a camisa da seleção no Mundial do Catar, outras pessoas podem não ter achado tão positivas assim a ida de alguns jogadores para a Copa. Isso porque cinco deles já se envolveram em polêmicas na vida pessoal e os casos vão desde participar em festas durante jogos importantes do clube a processos judiciais sobre sonegação de impostos. Veja quem são eles e os pequenos, médios e grandes delitos que já cometeram.

Neymar

Além das polêmicas sobre os relacionamentos amorosos — Neymar continua se relacionando com mulheres muito parecidas fisicamente com a ex, Bruna Marquezine e recentemente terminou com outra "cópia" dela, a influenciadora Bruna Biancardi e vive a vida de solteiro plenamente — o camisa 10 da seleção está envolvido até o pescoço em problemas fiscais.

Na transferência de Neymar do Santos para o Barcelona, em 2013, o jogador e o clube divulgaram a compra como sendo na casa dos 57,1 milhões de euros (cerca de R$289 milhões, na cotação atual). Em 2018, no entanto, a empresa que detinha os direitos de Neymar na época da transação afirmou que o real valor foi de 83,3 milhões de euros (R$421 milhões), divido em contratos paralelos para maquiar o valor real. Como defesa, Neymar afirmou no julgamento que assina "o que o pai pede".

Assim, Neymar e seu pai e empresário, Neymar dos Santos Silva, junto com Sandro Rosell e Josep Maria Bartomeu, ex-presidentes do clube catalão foram acusados pelo Tribunal Provincial de Barcelona de fraude e corrupção. A acusão pediu a prisão dos réus (dois anos de reclusão), além de multa de 25 milhões de euros (R$126 milhões). No entanto, especialistas acreditam que a pena não chegará a detenção dos acusados, e a sentença deve sair próxima ao Mundial.

No Brasil, Neymar enfrenta problemas com a Receita Federal. Ele foi acusado de evasão de divisas, ou seja, sonegação de impostos, de janeiro de 2011 a dezembro de 2013. Em 2019, o Ministério da Fazenda exigiu o pagamento de R$188 milhões, com juros de 150% em cima dos R$63 milhões não declarados. Ele recorreu, e na segunda instância, o valor caiu para R$88 milhões, valor já penhorado em uma exceução fiscal. Agora, o processo vai para a terceira instância, mas o pedido de anulação das dívidas já foi negado.

Enquanto isso, Neymar pai se encontrou com o presidente Jair Bolsonaro para conversar sobre o processo no ano de 2019. Em uma entrevista durante a campanha, o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, afirmou que o jogador estaria fazendo campanha para o candidato do PL por causa dessas negociações. Após a vitória de Lula nas eleições presidenciais, Neymar virou meme nas redes sociais, e a influenciadora financeira Nath Finanças fez um Tweet, em tom de brincadeira, afirmando que ele já estaria buscando a ajuda dela para declarar o Imposto de Renda. O atacante não gostou, e respondeu que ela "gosta de aparecer" e depois ironizou seus críticos escrevendo que "meu emocional é fraco e eu sou pipoqueiro".

Dani Alves

Outro jogador rodeado de polêmicas é Daniel Alves, com umas sérias e outras mais "leves". A primeira história é a mais complicada: em março de 2018, quando o zagueiro da Fiorentina David Astori foi encontrado morto em seu quarto de hotel durante a concentração para uma partida, o lateral foi perguntado sobre o caso, e deu uma declaração que foi considerada insensível e com um tom inapropriado.À epoca, o brasileiro jogava pelo PSG.

— Não nos incomodamos porque não o conhecemos muito, mas estou sofrendo por sua família. Acho que ele fez o que ele teve que tinha que fazer neste mundo caótico e agora ele está em um mundo melhor. No mundo, no entanto, milhares de crianças que não recebem muita atenção morrem todos os dias e são tão importantes quanto. Todos nós temos que morrer cedo ou tarde porque estamos aqui de passagem. Certamente não estou tão triste como seus familiares.

A resposta foi imediata, com veículos italianos repecurtindo a declaração infeliz e criticando a falta de sensibilidade do jogador. Um jornal afirmou que ele "não tem coração" e outro canal disse que ele era "muito frio e cínico". Ele não se pronunciou mais sobre o assunto.

De volta ao Brasil, Daniel Alves voltou a desagradar, mas desta vez as questões foram com o próprio clube. No São Paulo, o jogador fraturou o antebraço direito e ficou de fora da partida contra a LDU pela fase de grupos da Libertadores em 2020. Na véspera do duelo, o jogador foi flagrado em um pagode com os amigos, batucando usando justamente o braço direito, que estava lesionado.

Muito criticado, o jogador publicou no Twitter: "Pensando em responder algumas coisas… ah não, fiquei com preguiça!". Ele foi bastante criticado pelo posicionamento, e postou uma imagem que virou meme nas redes sociais. "Proibido ser feliz...Lei 171", escreveu o jogador.

A relação com o clube foi se desgastando cada vez mais, culminando na saída do jogador que deixou um rombo de R$15 milhões nos cofres do tricolor paulista.

Éder Militão

Pouco depois de conhecer a influenciadora digital Karoline Lima, Militão engatou um romance que engrenou em pouquíssimo tempo, e pediu para a cearense parar de usar o DIU, método contraceptivo ultrainterino, porque sonhava em ser pai.

Ela logo engravidou e expressou suas preocupações sobre o casal que estava há apenas três meses junto terem um filho, mas o jogador menosprezou e afirmou que estava pronto. Não estava — no final da gestação, já no nono mês de gravidez, Militão foi visto curtindo festas em Miami, enquanto Karol estava em Madrid no apartamento dos dois. Pouco depois, eles anunciaram o nascimento da filha, Cecília, e foi aí que as coisas desandaram.

Militão processou Karol por danos morais alegando que ela estava prejudicando sua imagem ao falar dele nas redes sociais. Ela só soube do processo através das redes sociais, e disse que sua equipe jurídica cuidaria do assunto, por estar muito abalada para responder. Pouco depois, ele entrou com um novo processo, oferecendo o valor de 5 salários mínimos, cerca de R$6 mil, como pensão alimentícia para a filha — ele ganha aproximadamente R$100 mil por dia no Real Madrid. No texto do processo, a advogada citava que a influenciadora engravidou "precocemente".

Semanas depois de tensão nas redes sociais, veio o final feliz: em acordo extrajudicial, Militão afirmou que arcará com as despesas de moradia, transporte, educação e saúde da filha, além da pensão que subiu para 6 salários mínimos, pouco mais de R$7 mil.

Rodrygo

Companheiro de elenco de Éder Militão no Real, Rodrygo também não irá concorrer ao título de "pai do ano". Isso porque ele tem dois filhos gêmeos com Pamella Cristina Souza, que na última semana deu declarações fortes sobre a relação do jogador com ela e com os filhos. Segundo ela, quando soube da gravidez, o jogador afirmou: "Bate um vento e você engravida".

As declarações foram feitas em uma entrevista para um canal de TV brasileiro, e ela relatou também que ele não forneceu o material genético para fazer o exame de DNA dos filhos, o que a levou a recorrer aos pais do jogador para fornecerem o material necessário. Como se não bastasse, Rodrygo a bloqueou das redes sociais, solicitou que ela entrasse em contato com sua equipe para resolver as questões financeiras e só visitou os bebês uma vez, em uma sala comercial alugada por ele, durante 20 minutos. Pamella foi impedida de acompanhar a visita.

Antony

Também no ramo das polêmicas com relacionamentos e gravidez, Antony teve as atenções voltadas para sua vida pessoal em junho deste ano. Portais de notícias de celebridades relataram que o jogador havia traído sua esposa, Rosilenny Silva, com a DJ Gabi Cavallin. De acordo com a mãe da DJ, o relacionamento durou mais de um ano, com a filha indo morar com o jogador em Amsterdam e, já que na época ele jogava no Ajax. Continuando os relatos, a mãe da DJ afirmou que ele chegou a dar uma aliança para ela.

Gabi confirmou o relacionamento e contou que estava grávida do jogador, com quase quatro meses de gestação. Ela afirmou que a esposa de Antony não havia aceitado o fim do casamento e por isso o divórcio não aconteceu. Dias depois do caso vir à tona, Antony e Rosilenny compareceram a um evento juntos e nas redes sociais afirmaram que "o fracasso é uma oportunidade para um recomeço". Atualmente, no entanto, não há fotos dos dois recentes nas redes sociais do jogador.

A DJ Gabi Cavallin sofreu um aborto espontâneo e perdeu o filho com o jogador em julho.