Pai de santo é preso suspeito de estuprar duas adolescentes em centro espírita no Rio

Um homem foi preso nesta quarta-feira suspeito de estuprar duas adolescentes, de 12 e 14 anos. Adriano Fortunato Pereira, de 42, era pai de santo de um centro espírita, localizado na Região Central do Rio, que era frequentado pela família das meninas. Ele foi encontrado nesta manhã no Jacarezinho, na Zona Norte da cidade, por agentes da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (Dcav).

Investigação sobre abusos: O anestesista exigiu ficar sozinho na sala com minha filha, diz pai de menina atendida por médico preso

Depoimentos: Anestesista preso por estupro estava com celular no bolso quando sedou criança e ficou sozinho com ela em hospital

Segundo o pai das meninas, que fez o registro de ocorrência, André teria se aproveitado de momentos a sós com as jovens para abusar sexualmente das duas. As violências ocorreram mais de uma vez. De acordo com o pai, as meninas contaram, em novembro do ano passado, o que tinha acontecido.

Em depoimento, o pai das vítimas conta que André chegou a colocar um punhal no pescoço de sua filha mais nova e fazer ameaças. De acordo com a polícia, o suspeito dizia que se a jovem contasse para alguém, faria um trabalho espiritual para matar a família.

Já a mais velha, teria sido agarrada e acariciada por André. As duas meninas passaram por exame de corpo de delito, que constatou a violência.