Palmeiras campeão: Melhor ataque, defesa, mais finalizações, mais jogos sem ser vazado; veja as estatísticas que levaram ao título

Campeão com três rodadas de antecedência com a derrota do Inter para o América-MG, o Palmeiras conquistou nesta quarta-feira o 11º troféu do Brasileiro da sua história. Um título incontestável pelos números da competição. A equipe dirigida pelo técnico português Abel Ferreira lidera quase todas as principais estatísticas até aqui, com destaque para a parte defensiva.

O time, até o momento, sofreu apenas 22 gols. Nos últimos três anos, por exemplo, os campeões foram vazados mais de 30 vezes ao longo do campeonato: o Atlético-MG terminou com 34, em 2021; e o Flamengo sofreu 48 gols, em 2020, e 37 gols, em 2019.

A equipe atual, inclusive, pode bater a sua melhor marca, que é de 2018, quando levou 26 gols. O campeão menos vazado da era dos pontos corridos com 20 clubes é o São Paulo, em 2007, que sofreu apenas 19 gols.

Veja as principais estatísticas do Palmeiras:

Melhor ataque: até o momento o time soma 59 gols marcados (Flamengo e Fluminense têm 56), média de 1,7.

Melhor defesa: 22 gols sofridos em 34 rodadas, média de 0,65.

Jogos sem sofrer gols: 18

Finalizações: 593, média de 17,4.

Gols de dentro da área: 52 gols marcados em 34 rodadas

Vitórias: 21

jogos sem perder: 19

Fonte: Sofascore