Palmeiras compra Weverton por R$ 2mi e empresta Erik ao Atlético-MG

Weverton assinou contrato de cinco anos com o Verdão (Fernando Dantas/Gazeta Press)

Enquanto aguarda o desfecho da negociação com Gustavo Scarpa, o Palmeiras acertou duas negociações nesta quinta-feira: a compra do goleiro Weverton e o empréstimo do atacante Erik. No fim da manhã, o Verdão fechou com o Atlético-PR a aquisição em definitivo de Weverton por R$ 2 milhões – o pagamento será feito em dez parcelas de R$ 200 mil, a partir de março.

Já Erik foi cedido ao Atlético-MG por uma temporada. O atacante vai se juntar a outro ex-palmeirense, Arouca, emprestado pelo mesmo período ao Galo. As duas transações não envolveram dinheiro. A diferença é que Erik ainda tem contrato com o Verdão, enquanto Arouca deixa de ter vínculo a partir de dezembro de 2018.

Weverton se tornou o quarto reforço oficial do Palmeiras para 2018: o zagueiro Emerson Santos, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa e o meia Lucas Lima já haviam acertado. O Verdão poderia esperar até junho para ter Weverton de graça, já que seu contrato com o Atlético-PR termina em 30 de maio. A fim de antecipar a chegada do goleiro campeão olímpico com a seleção, o Palmeiras ofereceu uma lista de atletas, mas não houve acordo – o Furacão queria Raphael Veiga, que não foi liberado.

Diante disso, combinou-se o valor de R$ 2 milhões parcelados. A pressa alviverde em fechar com Weverton se deve à desconfiança na condição física dos outros dois goleiros: Fernando Prass, perto dos 40 anos de idade, e Jaílson, de 36.

Prass sofreu duas contusões no mesmo cotovelo nos últimos anos, enquanto Jaílson sofreu uma contusão rara no quadril e não há convicção dentro do departamento médico de que ele esteja apto a jogar uma temporada inteira sem novos problemas físicos.

Para acessar outras notícias do Blog do Jorge Nicola, clique aqui: