Palmeiras perde mais uma nos pênaltis e fica sem a Recopa

O Globo
·1 minuto de leitura

O Palmeiras perdeu mais uma disputa de pênaltis. E ficou sem mais um título. Depois de levar a pior diante do Flamengo na Supercopa do Brasil, o time paulista perdeu para o Defensa y Justicia no tempo normal (2 a 1) e nas penalidades (4 a 3), na Recopa.

Luiz Adriano e Weverton perderam as cobranças, o que impediu que um time brasileiro vencesse o torneio pelo segundo ano seguido (em 2020, foi o Flamengo).

O time argentino alcançou o 2 a 1 no tempo normal de virada, devolvendo o resultado do jogo de ida. Raphael Veiga fez para os paulistas, e Romero e Benítez marcaram para os argentinos.

O Palmeiras teve a chance de ficar com a taça na prorrogação, mas Gustavo Gómez perdeu uma penalidade. Novamente no Mané Garrincha, em Brasília. Novamente uma frustração palmeirense.

- Foi um jogo parelho, tem que pensar nos próximos campeonatos, Paulista, Libertadores, Brasileiro. Tem que trabalhar para seguir melhorando sempre - disse o zagueiro paraguaio.