Pancadas de chuva atingem diversas regiões do Rio

Um temporal acompanhado por fortes rajadas de vento surpreendeu muitos cariocas na tarde desta segunda-feira. Pouco antes das 17h começou a chover forte em Sepetiba e Santa Cruz, de acordo com informações do Centro de Operações da prefeitura (COR). Houve registro de chuva muito forte em Jacarepaguá e Madureira. No Centro, mesmo quem buscou abrigo debaixo das marquises de prédios da Avenida Presidente Vargas acabou se molhando devido à força da ventania. Às 15h, a prefeitura entrou em estágio de mobilização, o segundo nível em uma escala de cinco que significa riscos de ocorrências de alto impacto na cidade. A previsão é de que até pelo menos as 18h haverá pancadas de chuva acompanhadas de raios e rajadas de vento moderado a forte.

'Homem-aranha' do crime: Polícia investiga se episódios de furtos são feitos por um único ladrão

Vítima no volante: Filho de motorista de aplicativo soube pela internet como pai morreu e disse que quer ser policial para combater violência

Ainda de acordo com o COR, núcleos de chuva moderada a forte atuam sobre a Zona Norte da cidade, com deslocamento em direção ao maciço da Tijuca, Centro e Zona Sul. Outros núcleos de chuva atuam sobre a Zona Oeste, com rápido deslocamento.

Na Zona Sul, alguns pontos de alagamento foram formados na Rua Visconde de Caravelas, em Botafogo, e na Gávea. Por causa dos acúmulos de água, motoristas que passaram pela região do Campinho, próximo à Praça Seca, usaram a faixa do BRT para passar pela Rua Cândido Benício.

Leitura na praia: Família cria sebo sobre rodas para vender livros na Zona Sul do Rio

Vídeo: Bombeiros combatem fogo no Ceasa, que tem saques durante incêndio

O COR informou que 11 bolsões d'água se formaram e dez estão em andamento na cidade:

Avenida Francisco Bicalho, altura da Rodoviária Novo Rio, sentido Avenida Brasil, no Caju;

Rua Uranos, em Manguinhos;

Rua Carolina Machado, altura do nª 754, em Cascadura;

Rua Carolina Machado, altura do nª 74, em Cascadura;

Rua Carolina Machado, altura do Viaduto Negrão de Lima, em Madureira;

Rua do Catete, altura da Rua Silveira Martins, no Catete;

Avenida Ministro Edgard Romero, altura da Rua Conselheiro Galvão, em Madureira;

Rua Conselheiro Galvão, altura da Rua Turiaçu, em Madureira;

Rua Alcobaça, em Ricardo de Albuquerque;

Rua Rodolfo Portugal, Milward, em Curicica.

Nas redes sociais, a Supervia informou que "em função das fortes chuvas ocasionando vários pontos de alagamentos, que atingem a região metropolitana do Rio de Janeiro, alguns trens estão aguardando ordem de circulação". A operação do MetrôRio e das Barcas seguem normais.

Em sua conta numa rede social o prefeito Eduardo Paes alertou para vídeos falsos circulando com informações de “paralisações na cidade”. O prefeito falou em “situação de normalidade”, mas chamou “a atenção de todos em relação à chuva”.