Pandemia provocou leve queda na produção mundial de plástico

·1 minuto de leitura
A produção mundial de plástico registrou leve queda em 2020

A produção mundial de plástico registrou leve queda de 0,3% em 2020 devido à pandemia de coronavírus, um fenômeno que só aconteceu três vezes desde a Segunda Guerra Mundial, anunciou nesta quinta-feira a PlasticsEurope, associação europeia de produtores de plástico.

O planeta produziu "367 milhões de toneladas de plástico em 2020, contra 368 milhões de toneladas em 2019", afirmou à AFP Eric Quenet, diretor da PlasticsEurope.

O mundo registrou dois retrocessos em sua produção de plástico desde o fim da Segunda Guerra Mundial: em 1973, com a crise do petróleo, e em 2008, com a crise das subprimes.

Na Europa, a queda foi de 5,1%.

O setor automobilístico, que registrou importantes interrupções em sua produção devido à crise de saúde, reduziu o consumo de plástico em 18,1% na Europa.

A tendência foi diferente na China, onde a produção de plástico aumentou 1% em 2020.

A China fabricava 25% do plástico mundial em 2010 e é responsável atualmente por um terço, depois que dobrou sua produção entre 2010 e 2020, quando produziu 117 milhões de toneladas.

O país exporta PVC para a construção e outros plásticos, mas continua importando plástico para a indústria automobilística.

A Europa, que produzia 21% do plástico mundial em 2010, é responsável atualmente por 15%, ou seja, 55 milhões de toneladas.

im/pn/spi/bl/me/fp

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos