"Pantanal": cenas provam que Jove atual não chega aos pés do original

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Marcos Winter e Jesuíta Barbosa: duas versões bem diferentes de Jove em
Marcos Winter e Jesuíta Barbosa: duas versões bem diferentes de Jove em "Pantanal" (foto: reprodução/SBT/TV Globo)

Resumo da notícia:

  • Jove de Jesuíta Barbosa ainda não conquistou o público em "Pantanal"

  • Por causa do remake, internet tem buscado trechos da novela original e se divertido com o personagem na versão de Marcos Winter

  • Confira alguns dos momentos mais divertidos abaixo

Jove, personagem de Jesuíta Barbosa no remake de "Pantanal", ainda não ganhou o carinho do público. Mesmo sofrendo com um pai machista e opressor como Zé Leôncio, a audiência ainda não abraçou o personagem, nem mesmo como vítima de repressão familiar. Na internet, os elogios são para outro Jove, o da novela original.

Quando interpretado por Marcos Winter, o jovem parecia muito engraçado, sarcástico e sedutor. O personagem original tem divertido o público das redes sociais com cortes engraçados, que mostram características que Jesuíta Barbosa, sem dúvida um bom ator, ainda não conseguiu reproduzir na sua interpretação.

Se você é da época de "Pantanal" na Manchete ou mesmo na reprise do SBT, certamente vai gostar de relembrar os momentos abaixo.

Sempre sarcástico

Mesmo diante de um pai opressor, o Jove não abaixava a cabeça e vivia tirando Zé Leôncio do sério. O diálogo abaixo - melhorado com a sonoplastia da cena - mostra como era divertido acompanhar o personagem de Marcos Winter, um jovem que não estava nem aí para o que pensavam dele.

"Vagabundo por vocação"

Por motivos talvez óbvios, a fala abaixo gerou muita identificação na internet.

Até um almoço divertia

Por incrível que pareça, um homem que sentava com as pernas juntas no início dos anos 1990 poderia ser visto como afeminado. Em cena de "Pantanal", Jove "quebra o tabu" ao almoçar do jeito que se sentia mais confortável. Visto hoje em dia, o momento é bem engraçado.

Sem medo de tirar a roupa...

Com o Jove antigo, não tinha papo de "corpos iguais". Ele simplesmente aparecia pelado na casa da Juma.

Mas com medo de cavalo...

Além de divertido, o Jove antigo era muito mais natural ao revelar os seus medos de jovem da cidade grande.

Aliado da luta LGBTQIA+

Mesmo diante de tanto preconceito, o Jove original não só não se importava com as brincadeiras sobre a sua masculinidade como ainda demonstrava ser um aliado da luta LGBTQIA+. Para uma novela exibida em 1990, a fala abaixo teve, sim, grande importância e significado. Marcos Winter, queremos você de volta ao horário nobre da TV Globo!

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos