"Pantanal": José Leôncio descobrirá que está jurado de morte após "dica" sobrenatural

José Lucas e Irma em
José Lucas e Irma em "Pantanal" (Globo/João Miguel Júnior)

A chegada de Solano (Rafa Sieg) no Pantanal deixará os peões da fazenda de José Leôncio de sobreaviso. Alcides (Juliano Cazarré) suspeita que o jagunço seja contratado por Tenório (Murilo Benício) para matá-lo, e a informação será confirmada por Zefa (Paula Barbosa), que ouviu uma conversa do ex-patrão.

Entenda como

Inicialmente, José Leôncio vai achar que Zefa está exagerando, mas Irma, que herdou os poderes sobrenaturais de Trindade, dirá que a moça está certa. "Ela está querendo dizer que todos os Leôncios estão jurados de morte", explica a carioca, que prevê: "Vão acontecer duas mortes aqui. Alguém está me assoprando isso".

Irma começou a ter poderes sobrenaturais após a partida de Trindade (Gabriel Sater). O peão tinha um pacto com uma entidade demoníaca, que passou a conversar com Irma.

Gravações de "Pantanal"

Em uma das cenas principais de Solano, o jagunço discutirá com Roberto (Caue Campos) em um barco e não conseguirá impedir que o jovem se afogue. Nas gravações, a equipe de "Pantanal" utilizou uma cobra de 40 quilos, o que assustou os atores que gravaram a cena. "Eu tenho pavor de cobra. Mas quando ela vai entrando no tanque em que gravamos, não chega nem perto e senti algo mágico: a forma como ela era tão bem tratada pela equipe, bem respeitosos, senti uma forte conexão com a natureza. Até passou o medo", explicou Rafa Sieg para o "Gshow".

O ator também falou sobre as dificuldades de gravar uma cena inteira dentro de um rio. "É super difícil sair de dentro da água para dentro do barco, mas nossa, nessa hora até bateu em mim um instinto de sobrevivência mesmo, pra me livrar daquilo".