Papa Francisco elogia Bento 16 e Vaticano se prepara para funeral

Pessoas prestam homenagens ao ex-papa Bento 16 no Vaticano

Por Philip Pullella

CIDADE DO VATICANO (Reuters) - O Vaticano cumpriu nesta quarta-feira um momento surreal no qual um papa vivo falava com alguns dos fiéis em uma parte da pequena cidade-Estado, enquanto outros, a uma curta distância, homenageavam um ex-pontífice falecido.

O papa Francisco realizou sua audiência geral em um grande salão moderno, um evento rotineiro para uma quarta-feira.

"Gostaria que nos uníssemos àqueles aqui ao nosso lado que prestam homenagem a Bento 16", disse Francisco a vários milhares de pessoas no início de sua audiência.

Francisco, de 86 anos, que presidirá o funeral de Bento 16 na quinta-feira, chamou seu antecessor de "um grande mestre da catequese".

Bento, um teólogo imponente e herói para os católicos conservadores incomodados com o papado mais progressista de Francisco, se tornou em 2013 o primeiro papa em 600 anos a renunciar em vez de cumprir a função pelo restante de sua vida.

Mais ou menos ao mesmo tempo em que Francisco falava e a apenas algumas dezenas de metros de distância, as grandes portas da Basílica de São Pedro estavam sendo abertas ao público para o terceiro e último dia de exibição pública do corpo de Bento 16.

Até a noite de terça-feira, cerca de 135.000 pessoas haviam passado para homenagear o papa emérito, que jazia sem nenhuma insígnia papal em um catafalco, diante do altar principal da basílica.

A decisão de não incluir a insígnia durante a exibição pública parece ter sido tomada para enfatizar que ele não era mais papa quando morreu no último sábado, aos 95 anos.