Papa Francisco pede encontro com Vladimir Putin e é ignorado

Papa Francisco (Foto: AP Photo/Gregorio Borgia)
Papa Francisco (Foto: AP Photo/Gregorio Borgia)
  • Papa Francisco pede encontro com Vladimir Putin e é ignorado

  • A intenção da visita é tentar parar com a guerra na Ucrânia

  • Diplomatas do Vaticano enviaram uma mensagem aos russos três semanas depois que o país invadiu a Ucrânia

O papa Francisco afirmou que aguarda há mais de dois meses uma resposta de Moscou sobre um encontro com o presidente da Rússia, Vladimir Putin. A intenção da visita é tentar parar com a guerra na Ucrânia.

Segundo o pontífice, diplomatas do Vaticano enviaram uma mensagem aos russos três semanas depois que o país invadiu a Ucrânia, iniciada em 24 de fevereiro.

Ao jornal italiano Corriere Della Sera, porém, ele afirmou que não recebeu nenhuma resposta.

“Eu estava disposto a ir a Moscou. Ainda não recebemos uma resposta e continuamos insistindo. Temo que Putin não possa e não queira ter esta reunião neste momento. Mas como você pode não parar com tanta brutalidade?”, falou Francisco.

O papa ressaltou que precisa ir a Moscou, capital russa. “Primeiro tenho que conhecer Putin. Faço o que posso. Se Putin ao menos abrisse uma porta.”

O pontífice tem criticado os ataques militares da Rússia no país vizinho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos