Papa lamenta 'espiral da morte' no Médio Oriente

Francisco pediu às duas partes do conflito israelo-palestiniano para começarem uma "busca sincera da paz"