Para manter orçamento secreto, governo Bolsonaro corta verba de combate ao câncer

Governo Jair Bolsonaro cortou verbas do combate ao câncer para acomodar orçamento secreto de R$ 19 bilhões (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Governo Jair Bolsonaro cortou verbas do combate ao câncer para acomodar orçamento secreto de R$ 19 bilhões (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

O governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) cortou em 45% o orçamento destinado a investimento para prevenção e controle do câncer, a doença que mais mata brasileiros. A informação foi revelada pelo jornal O Estado de S. Paulo.

O montante dedicado a essa área, em 2022, foi de R$ 175 milhões. Em 2023, o valor será de R$ 97 milhões. O corte do valor aconteceu com o objetivo de acomodar os R$ 19,4 bilhões reservados para o orçamento secreto.

Segundo o Estadão, normalmente, é feito o caminho inverso: para conseguir o orçamento destinado a Rede de Atenção à Pessoa com Doenças Crônicas – Oncologia, o Ministério da Saúde costuma recorrer aos parlamentares para que eles dediquem emendas ao programa.

Com os valores, a pasta repassa dinheiro para governos estaduais, prefeituras e entidades sem fins lucrativos para que possam investir no combate ao câncer.

O jornal revelou ainda que o governo federal cortou a verba destinada para incrementar a estrutura de hospitais e ambulatórios especializados em outros três grupos: gestantes e bebês; dependentes de drogas e pessoas com transtornos mentais; pessoas com deficiência.

Cortes em verba para creches

O orçamento para a educação infantil previsto para 2023 é de R$ 5 milhões. O valor será utilizado para fazer manutenção e implementação de creches. Em relação à 2022, o corte no valor é de 96,6%.

Ao mesmo tempo, o governo do presidente Jair Bolsonaro reservou um valor de R$ 147 milhões para construir o Colégio Militar de São Paulo – suficiente para executar 40% da construção. O montante é 2.840% maior do que o investimento previsto para manutenção e implante de creches em todo o país.

Veja as últimas pesquisas eleitorais para presidente: