Paraná manda fechar shoppings e academias e tem mais 9 casos confirmados

KATNA BARAN

CURITIBA, PR (FOLHAPRESS) - A Secretaria Estadual da Saúde do Paraná confirmou nesta quinta-feira (19) mais nove casos de coronavírus em Curitiba. Os pacientes são cinco mulheres e quatro homens com idades entre 22 e 81 anos, que estiveram em São Paulo, Itália e Espanha.

Assim, ainda não há registros de transmissão local do vírus no estado.

Com estes novos casos, chegam a 23 os pacientes com coronavírus no Paraná. Há ainda 146 casos em investigação e 122 casos descartados.

O governo do estado mandou suspender as atividades comerciais em shoppings, galerias de lojas, academias e centros de ginástica do estado. A medida foi anunciada na tarde desta quinta-feira (19).

Bares, restaurantes e praças de alimentação poderão continuar funcionando, mas a recomendação do governo é que fechem as portas até a meia-noite.

Aos estabelecimentos que permanecerão abertos será recomendado a adoção de medidas intensivas de higienização e limpeza, como a disponibilização de álcool em gel. Os ambientes devem ser reorganizados para manter distanciamento de um metro entre os clientes.

Em Curitiba, capital do estado, a prefeitura determinou o fechamento de casas noturnas. O município de Maringá, no norte, foi mais drástico nas medidas e determinou que todo o comércio feche as portas.

Ainda em Curitiba, a partir desta sexta-feira (20), idosos de mais de 70 anos estarão obrigados a ficar em casa. A prefeitura proibiu ainda a visitação de pessoas em instituições de permanência, apenas no caso de doentes, em que pode ser autorizada a permanência de um acompanhante.