Paris tem fila de 3 horas para votar e chuva, relata brasileira

FOLHAPRESS - Na França, os eleitores brasileiros enfrentam longas filas e o clima instável para votar em Paris, na capital do país.

Não há, porém, registros de violência política ou tumulto no andamento da espera, mas muitos saem da espera devido à chuva e à longa espera.

Márcia Consolim, professora da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) e residente da França desde janeiro, afirma haver vários apoiadores de Lula aguardando para votar e que coros são entoados em favor do petista.

Consolim afirmou que o tempo de espera é de quase três horas.

Ela também vê eleitores de Bolsonaro vestindo camisetas da seleção brasileira, com bandeiras nacionais e declarando apoio ao atual presidente, sem confusões ou confrontos entre lulistas e bolsonaristas.

Mesmo assim, muitos votantes estão saindo da fila e voltando para suas casas devido às chuvas e à distância - neste ano, há somente uma zona eleitoral para os brasileiros residentes em todas as regiões do país.

Com as filas, carros não conseguem se locomover pelas ruas do bairro onde a votação ocorre, e a polícia francesa colabora para organizar o bairro no dia do pleito. Também não há servidores da Justiça Eleitoral orientando a fila.