Parlamentares vão propor CPI para apurar atos de terrorismo

Após os atos terroristas neste domingo em Brasília, parlamentares começaram a se articular para protocolar pedidos de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) tanto no Senado quanto na Câmara.

A senadora Soraya Thronicke (União-MS) já fez uma proposta um requerimento para a abertura de uma CPI apurar os ataques ao Congresso, Palácio do Planalto e Supremo Tribunal Federal (STF). No grupo de senadores do WhatsApp, diversos parlamentares já demonstram que vão apoiar o requerimento, entre eles Humberto Costa (PT-PE), Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Eliziane Gama (Cidadania-MA).

No Twitter, o deputado Rogério Correia (PT-MG) também disse que vai propor uma comissão parlamentar. "Vou propor a CPI do golpe! Só com o Bolsonaro preso teremos paz e democracia. Não descanso enquanto isto não acontecer. Meu mandato será uma voz permanente neste sentido. Desde já me comprometo a solicitar uma CPI sobre os acontecimentos desta data.” Na Câmara, são necessárias 171 assinaturas.